menu

26 de julho de 2017

Cat like Quem é você, Alasca?

SenhoritaMeow-Cat like Quem é você, Alasca?
Miles Halter tem fascinação pelas últimas palavras que grandes pessoas disseram antes de morrer. Vive de devorar biografias. Mas está cansado de ter só isso para livrá-lo do tédio que é a vida com os pais, na Flórida. Em busca do que o poeta François Rabelais chamou em suas últimas palavras de o “Grande Talvez”, Miles sai de casa para ingressar na Escola Culver Creek, um internato no Alabama. Muitas coisas o esperam lá; entre elas, Alasca Young. Inteligente, engraçada, louca e incrivelmente sexy, Alasca vai arrastar Miles para seu labirinto e catapultá-lo sem misericórdia na direção do Grande Talvez.







Hey gatinhos, como vão vocês? Esse livro, diferente do antigo (mitologia) foi bem mais rápido, em geral a leitura saiu mais fluida. 
O livro "Quem é você, Alasca?" foi diferente do que imaginava, o final foi diferente, apesar de que certos acontecimentos foram bem previsíveis.
O livro gira em torno do grande talvez de Miles, ~que adora gravar as últimas palavras dos mortos~ ele acaba se mudamos de uma escola onde ele era excluído e preferia ficar na sua e indo parar em um colégio interno. La ele acaba conhecendo algumas pessoas e se metendo em algumas encrencas, porem sempre buscando a resposta desse talvez...  
Uma das personagens que mais gostei foi Alasca que me fez ter curiosidade de saber mais e mais dela. Achei ela um pouco bipolar e daquelas que guardam muito para si e que como posso dizer "mexe na ferida para saber se doi.". Por esse motivo, ela é de longe a personagem que mais me intrigou no livro.
Uma outra coisa que adorava ler era sobre o relacionamento de Chip (Coronel) e Miles (Bujão), eles se conheceram a tão pouco tempo e a amizade foi ficando mais e mais divertida, daquelas bem Brothers mesmo haha... adorava ver cenas deles brincando o quanto eles são parece um casal. 
Admito que fui muito curiosa e acabei vendo que o livro é dividido entre antes e depois de um certo acontecimento, (NO SPOILERS) e logo estando antes da quinquagésima página acabei já descobrindo o que viria por ai. 
Gostei mais do "antes" do que do "depois" achei que o mistério do livro, a alegria e ao mesmo tempo o caos, o interesse que antes eu tinha acabou se esvaindo. (relaxem.. quando vocês lerem vão entender)
Um aspecto negativo foi que a bebida o cigarro são drogas que praticamente todos os adolescente daquela escola fumam ou bebem escondido. Porém, é retratado tantas e tantas vezes que já chega a ser um exagero e você se pergunta "Como esse povo não morreu?". 
No fim (Depois), algumas reflexões são apresentadas no livro como "Para onde as pessoas vão quando morrem?" "Por que as pessoas acreditam em deuses?" "Como sair desse labirinto que é a vida?" 
E mostra também que podemos sobreviver e até mesmo viver, mesmo o mundo estando contra nós, que precisamos acreditar que conseguimos ser indestrutíveis, pois na real somos, que não temos que ter medo e nunca perder a esperança mesmo quando for mais velho. 
Miles diz que Adultos acabam esquecendo disso, acabam tendo medo da falha, achando que a falha não tem conserto, mas somos indestrutíveis pois nada se "perde tudo se transforma". Nada é deixado para trás.
Resumo: Quem é você Alasca é um livro legal, porém muito previsível, faz você pensar um pouco sobre algumas questões bastante discutidas sobre a vida e a morte e também sobre as religiões. Faz você querer entrar dentro de si mesmo e se conhecer. Além de mostrar que podemos viver e sorrir mesmo que tudo esteja dando errado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário